Artigos

SIPC: o que é e para que serve esse sistema de proteção

O SIPC, ou Securities Investor Protection Corporation, é uma entidade sem fins lucrativos nos Estados Unidos que oferece proteção aos investidores em casos de falência ou insolvência de corretoras. Sua função é garantir a segurança dos ativos e dinheiro dos investidores, atuando como um seguro em situações financeiramente desafiadoras.
SIPC

Quando se trata de investir, uma das preocupações mais significativas é a segurança do dinheiro e dos ativos aplicados. Imagine fazer investimentos com muito esforço e ver tudo desaparecer se a corretora onde você investiu enfrentar problemas financeiros sérios. É aí que entra o SIPC, um sistema crucial para os investidores nos Estados Unidos.

Então vamos entender como este sistema oferece uma camada de proteção vital, agindo como um guardião para garantir que seus investimentos estejam seguros, mesmo em circunstâncias desafiadoras. Sendo assim, vamos ver o que é o SIPC e como ele desempenha um papel fundamental na segurança dos investimentos nos EUA.

Invista no exterior
de forma profissional!
Conheça o #dólarstart

Aprenda tudo que você precisa para investir na maior bolsa de valores do mundo. Conheça agora o Dólar Start e saia do zero nos investimentos.

O que é o SIPC?

O SIPC, abreviação para Securities Investor Protection Corporation, é um sistema de proteção fundamental para os investidores nos Estados Unidos. Em termos simples, funciona como um escudo financeiro, criado para resguardar os investimentos dos indivíduos caso a corretora onde investiram se encontre em dificuldades financeiras.

Para que serve o SIPC?

O SIPC desempenha um papel crucial na proteção dos investidores e de seus ativos em situações adversas. Quando uma corretora enfrenta problemas financeiros, como falência ou insolvência, o SIPC atua para garantir que os investidores não percam o dinheiro ou os títulos que depositaram através dessa corretora.

Portanto, é como uma rede de segurança que entra em ação para assegurar que os investimentos estejam protegidos, assim como o FDIC, oferecendo tranquilidade mesmo em cenários desafiadores no mercado financeiro.

Tipos de cobertura do SIPC

O SIPC oferece diferentes formas de cobertura para proteger os investidores em situações desafiadoras. Vamos analisar dois cenários principais nos quais o SIPC entra em ação para resguardar os investimentos.

Falência ou insolvência de corretoras

Quando uma corretora enfrenta dificuldades financeiras sérias, o SIPC atua como um amortecedor para os investidores. Então ele intervém para garantir que, durante o processo de liquidação da corretora, os ativos dos investidores sejam protegidos.

Em alguns casos, o SIPC facilita a transferência desses ativos para outra corretora confiável, assegurando que os investidores não percam seus investimentos.

Negociação sem autorização

Caso ocorram transações não autorizadas na conta de um investidor, o SIPC também oferece proteção limitada. Mesmo que a corretora esteja financeiramente estável, se transações forem realizadas sem a autorização do investidor, o SIPC pode intervir para garantir que esses investidores não sofram perdas devido a essas operações não autorizadas.

Invista no exterior
de forma profissional!
Conheça o #dólarstart

Aprenda tudo que você precisa para investir na maior bolsa de valores do mundo. Conheça agora o Dólar Start e saia do zero nos investimentos.

Cobertura do SIPC

Ao considerar a proteção oferecida pelo Securities Investor Protection Corporation (SIPC), é crucial entender os limites e escopos dessa salvaguarda para os investimentos nos Estados Unidos.

O SIPC desempenha um papel vital na proteção dos investidores, mas existem restrições em sua cobertura. Ele não cobre os riscos associados às flutuações normais do mercado. Essas variações se referem ao período entre a falência de uma corretora e a nomeação de um curador pelo Securities Investor Protection Corporation.

O curador é designado pela organização em situações em que uma corretora enfrenta falência ou insolvência sem conseguir restituir o dinheiro e os ativos dos investidores. Esse curador supervisiona a liquidação dos ativos da corretora, assegurando que os investidores recebam aproximadamente o valor dos ativos no momento de sua nomeação.

É importante ressaltar que a proteção oferecida pelo SIPC é limitada a U$ 500.000 em dinheiro e ativos, sendo um máximo de U$ 250.000 em dinheiro. Além disso, quaisquer rendimentos diários gerados a partir dos fundos do investidor em uma corretora não são cobertos pelo SIPC; somente o principal é protegido.

Esses são os parâmetros da cobertura oferecida pelo SIPC, proporcionando uma segurança essencial, embora com limitações específicas.

Sumário

Invista no exterior de forma profissional!

Aprenda como investir na maior bolsa de valores do mundo.

Leo Fittipaldi
Leo Fittipaldi
Fundador da Dolarame e analista de investimentos certificado (CNPI 3214). Já foi analista de risco na maior Asset do Brasil, atuando em fundos de investimentos com alguns bilhões de reais sob gestão. Atualmente é um dos maiores especialistas em investimentos internacionais do país.

Separamos mais esses artigos para você:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Open chat
Posso te ajudar?
Olá, podemos te ajudar?