Artigos

Quem são as mulheres mais ricas do Brasil em 2024

As mulheres mais ricas do Brasil representam um grupo diversificado de empresárias e líderes, cujas fortunas refletem suas habilidades em diversos setores da economia. Com participações em grandes empresas e iniciativas empreendedoras, essas mulheres destacam-se não apenas pela sua riqueza, mas também pelo seu impacto nos negócios e na sociedade.
mulheres mais ricas do brasil

Quem são as mulheres mais ricas do Brasil em 2024? Essa é uma pergunta que desperta curiosidade e interesse em muitas pessoas. No cenário econômico atual, é cada vez mais comum vermos mulheres ocupando posições de destaque e acumulando fortunas impressionantes.

Neste artigo, vamos ver as trajetórias e conquistas das 8 mulheres mais ricas do Brasil, revelando os segredos por trás de suas impressionantes fortunas.

Quais são as mulheres mais ricas do Brasil?

De acordo com dados recentes da Forbes, as 8 mulheres mais ricas do Brasil na atualidade são as seguintes:

  1. Vicky Sarfati Safra – US$ 20,6 bilhões;
  2. Ana Lucia de Mattos Barreto Villela – US$ 1,9 bilhão;
  3. Neide Helena de Moraes – US$ 1,5 bilhão;
  4. Cristina Junqueira – US$ 1,4 bilhão;
  5. Mariana Voigt Schwartz Gomes – US$ 1,3 bilhão;
  6. Maria Consuelo Saraiva Leão Dias Branco – US$ 1,2 bilhão;
  7. Maria Cristina Frias – US$ 1,2 bilhão;
  8. Lucia Maggi – US$ 1,2 bilhão;

Todas essas mulheres possuem participação acionária em grandes empresas, demonstrando a importância do investimento em ações e outros ativos de renda variável para a construção de riqueza no longo prazo.

8. Lucia Maggi – US$ 1,2 bilhão

Lucia Maggi é uma empreendedora que construiu sua fortuna ao lado de seu marido, André Maggi. Juntos, eles fundaram o grupo Amaggi em 1977. Este grupo alcançou destaque em diversos setores da economia, proporcionando um crescimento significativo do patrimônio de seus acionistas ao longo dos anos.

Com o crescimento do grupo Amaggi, aqueles que possuíam participação acionária na empresa viram o aumento do seu patrimônio devido à rentabilidade que a empresa trouxe. Hoje, Lucia Maggi possui um patrimônio avaliado em cerca de US$ 1,2 bilhão, consolidando sua posição como uma das mulheres mais ricas do Brasil.

7. Maria Cristina Frias – US$ 1,2 bilhão

Maria Cristina Frias é uma jornalista brasileira com uma carreira extensa em reportagem e análise econômica. Formada pela PUC, ela trabalhou em diversos veículos de comunicação, incluindo SBT, Rede Globo, Band e Canal 21. No entanto, foi na Folha de S. Paulo que ela se destacou, assumindo várias funções importantes, como editora de economia e colunista.

Desde 2009, Maria Cristina se destaca na coluna Mercado Aberto, abordando questões econômicas e financeiras relevantes para o público brasileiro. Sua expertise e influência no jornalismo econômico a colocaram entre as mulheres mais ricas do Brasil, com um patrimônio avaliado em US$ 1,2 bilhão.

6. Maria Consuelo Saraiva Leão Dias Branco – US$ 1,2 bilhão

Maria Consuelo Saraiva Leão Dias Branco é uma empresária brasileira destacada no setor alimentício do país. Sua fortuna é fruto do seu papel influente na M. Dias Branco S.A., uma das maiores indústrias de massas e biscoitos da América Latina.

Originária de uma família de empresários, Maria Consuelo teve uma participação crucial no crescimento e na estratégia de expansão da empresa fundada por seu pai, Manuel Dias Branco. Seu empenho em atividades sociais e culturais também é notável, com apoio a diversos projetos de educação e arte.

5. Mariana Voigt Schwartz Gomes – US$ 1,3 bilhão

Com apenas 38 anos, Mariana Voigt Schwartz Gomes é uma das mulheres mais jovens a figurar entre as mais ricas do Brasil. Sua fortuna, avaliada em US$ 1,3 bilhão, é resultado de sua atuação no ramo de arquitetura e design de interiores.

Formada e com mestrado em Arquitetura, Mariana é proprietária de um escritório especializado em projetos de design de interiores em Florianópolis. Sua expertise e habilidades no campo do design a colocaram em uma posição privilegiada no mercado, contribuindo significativamente para sua fortuna pessoal.

4. Cristina Junqueira – US$ 1,4 bilhão

Cristina Junqueira é uma empresária brasileira que se destaca no cenário financeiro e tecnológico do país. Formada em Engenharia pela Universidade de São Paulo (USP) e com um MBA pela Northwestern University’s Kellogg School of Management, Cristina construiu sua fortuna como cofundadora do Nubank.

O Nubank é um dos maiores bancos digitais independentes do mundo e revolucionou o mercado financeiro na América Latina ao oferecer uma experiência simplificada e sem burocracia para os clientes. Desde a sua fundação em 2013, Cristina desempenhou um papel crucial na criação e expansão do banco, contribuindo para sua rápida ascensão e popularidade.

Com um patrimônio avaliado em US$ 1,4 bilhão, Cristina Junqueira se destaca não apenas como uma das mulheres mais ricas do Brasil, mas também como uma líder inovadora e influente no setor de tecnologia financeira.

3. Neide Helena de Moraes – US$ 1,5 bilhão

Neide Helena de Moraes é uma empresária brasileira com uma herança familiar significativa no mundo dos negócios. Como neta de José Ermírio de Moraes, criador do grupo Votorantim, Neide possui uma participação importante no grupo, que se destaca em diversos setores, como infraestrutura, commodities e finanças.

Com mais de 90 anos de história, a Votorantim é uma empresa com presença global e Neide desempenha um papel crucial em seu sucesso. Sua participação de 8% no grupo contribui significativamente para sua fortuna pessoal, avaliada em US$ 1,5 bilhão.

2. Ana Lucia de Matos Barreto Villela – US$ 1,9 bilhão

Ana Lucia de Matos Barreto Villela é uma figura proeminente no cenário empresarial brasileiro, com uma trajetória marcada por sucesso e impacto social. Bisneta do fundador do banco Itaú, Ana Lucia é sócia do banco desde os 8 anos de idade, quando seus pais faleceram em um trágico acidente de avião em 1982.

Além de sua participação no Itaú, Ana Lucia é fundadora do Instituto Alana, uma fundação que tem como objetivo a proteção da infância e diversos outros escopos de atuação. Sua visão empreendedora e seu compromisso com causas sociais a destacam como uma das mulheres mais influentes do Brasil.

Com participações acionárias em empresas como a Itaúsa e a Duratex, Ana Lucia de Matos Barreto Villela acumulou uma fortuna avaliada em US$ 1,9 bilhão, demonstrando que é possível alcançar sucesso empresarial e fazer a diferença na sociedade ao mesmo tempo.

1. Vicky Sarfati Safra – US$ 20,6 bilhões

E por fim, no topo da lista das mulheres mais ricas do Brasil está Vicky Sarfati Safra, uma figura poderosa no mundo dos negócios e da filantropia. Vicky é a viúva do renomado banqueiro Joseph Safra, que faleceu em 2020. Nascida na Grécia, ela se mudou para o Brasil durante sua infância, onde construiu um império financeiro ao lado de seu marido.

Com a herança de Joseph Safra, Vicky se tornou a mulher mais rica do Brasil, com uma fortuna avaliada em impressionantes US$ 20,6 bilhões. Seu patrimônio inclui não apenas participações acionárias no banco da família, mas também o cuidado da Vicky and Joseph Safra Philanthropic Foundation, dedicada ao patrocínio de atividades artísticas, educacionais, na área da saúde e outras.

Sumário

Invista no exterior de forma profissional!

Aprenda como investir na maior bolsa de valores do mundo.

Leo Fittipaldi
Leo Fittipaldi
Fundador da Dolarame e analista de investimentos certificado (CNPI 3214). Já foi analista de risco na maior Asset do Brasil, atuando em fundos de investimentos com alguns bilhões de reais sob gestão. Atualmente é um dos maiores especialistas em investimentos internacionais do país.

Separamos mais esses artigos para você:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Abrir o bate-papo
Posso te ajudar?
Olá, posso te ajudar?